MULTIMÉDIA


CINEMA


Camões: erros meus, má fortuna, amor ardente (1946)

Filme português, a preto e branco, 118 min., lançado a 20.09.1946.

Filme realizado por José Leitão de Barros, que relata a vida aventurosa de soldado e a escrita genial de poeta desse grande português - Luís Vaz de Camões: desde os tempos juvenis e irreverentes em Coimbra, o "amore ardente" iludido ou contrariado, o guerreiro da "má fortuna", a sua errância pelo Oriente e terras do índico, até ao seu regresso à pátria, com a leitura de "Os Lusíadas" (1572), em Sintra...


Argumento: José Leitão de Barros e António Lopes Ribeiro
Produção: António Lopes Ribeiro

Montagem: Vieira de Sousa
Música: Ruy Coelho
Som: Francisco Quintella
Direcção de fotografia: Manuel Luís Vieira, Francesco Izarelli


Elenco: António Vilar (Luís de Camões), José Amaro (Dom Manuel de Portugal, comendador de Vimioso), Igrejas Caeiro (André Falcão de Resende), Paiva Raposo (Pero de Andrade Caminha), Leonor Maia (Leonor), Idalina Guimarães (Inês), Vasco Santana (Mal-Cozinhado), Eunice Muñoz (Beatriz da Silva), Carmen Dolores (Catarina de Ataíde), João Villaret (Dom João III de Portugal), Dina Salazar (Burguesa do Coimbra), Manuel Lereno (amigo de Caminha), Carlos Moutinho (amigo de Caminha), Júlio Pereira (amigo de Caminha), Eduardo Machado (amigo de Caminha), Virginia de Vilhena (Luisa), José Vítor (Frei Bartolomeu Ferreira), Maria Manuela Fernandes (Dinamene), Armando Martins (D. Sebastião, Rei de Portugal).

Ver mais em CinePT.